Saúde Bucal

O que é profilaxia dentária e por que ela é importante?

Manter um sorriso bonito e saudável é o sonho de muitas pessoas e, para consegui-lo, a higiene adequada é extremamente importante. Além da escovação diária e do uso do fio dental, entretanto, a profilaxia dentária é uma aliada importante e deve ser realizada com frequência.

Feita por um cirurgião dentista, a profilaxia é capaz de realizar uma limpeza profunda em toda a sua boca, evitando vários problemas como gengivite, doenças periodontais e cárie.

Quer saber mais sobre a profilaxia dentária? Continue a leitura!

O que é a profilaxia dentária e qual sua importância?

Embora o nome possa parecer complicado, muitas pessoas já se submeteram a ela, pelo menos, uma vez na vida. A profilaxia dentária nada mais é do que a limpeza dos dentes feita no consultório do dentista.

Com o uso de equipamentos especiais, o dentista é capaz de atingir pontos muito mais específicos e ajudar a promover uma higiene completa da sua boca.

Mesmo tomando todos os cuidados com a limpeza dos nossos dentes, pode ser comum apresentar um pouco de placa bacteriana ou tártaro acumulados, sendo que esse último apenas pode ser retirado em consultório com um procedimento chamado tartarectomia (que faz parte da profilaxia).

Retirar esse tártaro e a placa é um passo essencial para a prevenção de doenças sérias que são causadas justamente pelo acúmulo de bactérias na boca, como a gengivite, a doença periodontal e até a cárie.

Além disso, o dentista também realizará uma inspeção completa da sua boca, podendo diagnosticar questões ainda no início e indicar os tratamentos mais adequados para que você mantenha a sua saúde bucal sempre em dia.

Como a profilaxia dentária é feita?

Saiba que esse é um processo bem simples e rápido, sendo que a maioria dos pacientes não relata dor, nem desconforto.

Raspagem

Normalmente, o primeiro passo é a retirada do tártaro acumulado (tartarectomia) que costuma ser feito com o uso de uma cureta e um espelho.

Além da raspagem manual, o dentista também poderá usar um ultrassom e, até mesmo, uma espécie de anestesia em pasta.

A raspagem visa a remoção do tártaro e também da placa acumulada em locais difíceis de serem acessados com a escova e com o fio dental.

A retirada dessa sujeira acumulada é extremamente importante, evitando de forma drástica o surgimento de processos infecciosos tanto na raiz dos dentes, como na gengiva.

Jato de bicarbonato

Em seguida, ocorre a aplicação de um jato de bicarbonato que reforça a remoção da placa e do tártaro.

O aparelho usado lança tanto jatos de água, como partículas de bicarbonato de sódio em uma velocidade alta, permitindo a limpeza profunda, o polimento e a proteção dos dentes.

Se você tem receio de sentir dor, saiba que esse é um processo totalmente indolor e alguns pacientes até costumam do procedimento.

Escovação profissional

Essa etapa pode não ser realizada em todos os casos de profilaxia dentária, dependendo do quanto o profissional ainda julga necessário reforçar a limpeza dos dentes.

Normalmente, é usada uma escova dental elétrica profissional e uma pasta dental específica para o uso em consultórios, potencializando o poder de limpeza. O fio dental também pode ser usado no final da escovação.

Aplicação de flúor

Finalizado o processo de limpeza, o dentista fará a aplicação de flúor para garantir a proteção dos seus dentes por mais tempo e ainda ajudar na remineralização, sendo uma ótima barreira contra as placas bacterianas.

Com qual frequência devo fazer a profilaxia dentária?

Em geral, o tratamento é indicado de seis em seis meses, mas tudo dependerá das suas condições.

Pessoas que apresentam uma tendência maior ao acúmulo de placa (como as que usam aparelhos ortodônticos) podem necessitar de uma profilaxia a cada três meses.

Todavia, aquelas que apresentam cuidados em casa satisfatórios, podem realizar a profilaxia uma vez por ano. De qualquer forma, o seu dentista indicará o período de retorno.

Depois de realizar o tratamento, é muito importante evitar comer ou beber por até 2 horas, devido à ação do flúor e, claro, sempre realizar a escovação correta diariamente.

Gostou de saber mais sobre a profilaxia dentária? Assine a nossa newsletter e receba sempre dicas bacanas como essa!

Sobre o autor

Terceira Dentição

Deixar comentário.

Share This