Saúde Bucal

Entenda qual é a relação entre a diabetes e saúde bucal

A relação entre diabetes e saúde bucal é algo que precisa estar sempre no foco de atenção das pessoas portadoras dessa doença. Isso acontece pelo fato de os diabéticos serem mais suscetíveis a desenvolver alguns problemas bucais, o que demanda cuidados especiais com a boca e os dentes.

Infelizmente o diabetes acomete cerca de 12 milhões de pessoas apenas no Brasil, com o agravante que muitas pessoas podem tê-la, mas ainda não foram diagnosticadas. Entre os principais problemas causados por essa doença, está a propensão de adquirir infecções, acarretando em graves distúrbios gengivais.

Por isso, se você é diabético, este texto é para você. Então, prossiga a leitura e entenda o porquê de diabetes e saúde bucal andarem juntos. Confira!

Como diabetes e saúde bucal se relacionam?

As pessoas que são diabéticas têm o funcionamento das glândulas salivares afetadas. Esse problema é um tanto quanto grave, uma vez que a saliva ajuda na prevenção de doenças dentárias como as cáries e a gengivite. É por isso que essas pessoas devem comparecer com frequência ao dentista, com a finalidade de prevenir esses agravantes.

Vale lembrar também que quem tem diabetes apresenta dificuldades para cicatrizar tecidos em machucados, o que pode dificultar os tratamentos odontológicos, exigindo o acompanhamento de um profissional competente para a realização.

Quais são os cuidados bucais necessários para um diabético?

Conforme visto, é importante que as pessoas com diabetes tenham cuidados especiais com a saúde bucal. Pensando nisso, elencamos alguns dos principais que devem ser seguidos. Acompanhe!

Informe a sua condição ao dentista

Ao consultar um cirurgião dentista, é fundamental que você informe ao profissional que é diabético. Desse modo, ele poderá diagnosticar as doenças bucais e propor tratamentos especiais, que acabarão com os seus problemas de maneira mais eficaz.

Controle o nível de glicose no sangue

É de praxe que pessoas diabéticas controlem o seu nível de glicose no sangue, até mesmo para verificar se os medicamentos que são administrados estão surtindo o efeito necessário. Em relação à saúde bucal, recomenda-se que as taxas estejam sempre nos níveis adequados quando for necessário fazer qualquer procedimento dentário.

Tenha uma ótima higiene bucal

Já abordamos aqui que as pessoas diabéticas produzem menos saliva, o que pode ocasionar o surgimento de cáries. Dessa forma, elas precisam ter uma saúde bucal excelente, fazendo uma escovação completa e correta após as refeições — também recomenda-se o uso do fio dental e um bom antisséptico bucal.

Evite o fumo

O cigarro é prejudicial à saúde bucal de qualquer pessoa, mas é ainda mais grave para as pessoas diabéticas, que já têm propensão a adquirir patologias na boca, dentes e arredores. Por isso, é extremamente importante que elas evitem o consumo do tabaco.

Consulte o dentista regularmente

Prevenir é melhor do que remediar, por isso, recomenda-se sempre a visita frequente ao dentista, para o acompanhamento e diagnóstico precoce de cáries, infecções e outras doenças bucais que podem prejudicar à saúde.

Somente com cuidados preventivos a diabetes e saúde bucal podem andar juntas de forma tranquila e sem causar maiores danos às pessoas que sofrem desse mal. Agora que você já entende mais sobre essa relação, que tal continuar aprendendo sobre o assunto e ler o nosso artigo com 6 dicas para ter uma boa estética bucal? Temos certeza que poderá ser útil para você!

Sobre o autor

Terceira Dentição

Deixar comentário.

Share This