Estética Facial

Cirurgia de bichectomia: Veja 5 perguntas mais frequentes

A bichectomia é uma cirurgia plástica, onde ocorre a retirada total de duas bolas de gorduras, encontradas nos dois lados da boca mais especificamente nas bochechas, as chamadas bolas de Bichat. Cirurgia muito utilizada pelas celebridades, tem finalidade  funcional para os pacientes que mordem as bochechas e estética quando se deseja afinar o rosto.

Porém, se você está pensando em realizar esse tipo de procedimento para se sentir melhor consigo mesma ou não morder as bochechas, separamos as 4 perguntas mais frequentes sobre a cirurgia de bichectomia. Confira!

Como funciona o pré-operatório?

Antes de realizar essa cirurgia, o profissional fará um exame clínico para avaliar se há indicação para cirurgia e  poderá solicitar alguns exames pré-operatórios, como hemograma completo, glicemia, coagulograma, uma avaliação cardiológica e também se necessário uma tomografia.

Em relação a alimentação, é recomendado que o paciente realize um jejum de oito horas antes da cirurgia, evitando a ingestão de bebidas alcoólicas e comidas pesadas na véspera da cirurgia.

Como é o pós-operatório?

Muito parecido com a extração do dente do siso, o pós-operatório da bichectomia é bem simples. Devido ao corte do procedimento cirúrgico, é normal que ocorra um inchaço na região da bochecha e para tratar isso é necessário que seja realizado compressas com gelo,

Nos primeiros dias é recomendado uma dieta leve, com o consumo de iogurte, gelatina, sorvete e outros alimentos pastosos e gelados, pois alimentos frios evitam edema e colaboram para uma boa recuperação.

Após a cirurgia, é recomendado ao pacientes que não realize atividades que exijam esforços e também evitar ficar exposto a lugares quentes.

Como é esta Cirurgia?

Essa cirurgia dura em média 40 minutos, e é realizado um pequeno corte dentro da boca em media 5cm, ou seja, não há nenhuma possibilidade de ficar uma marca aparente.

O paciente recebe uma anestesia local, com sedação ou não e raramente sob anestesia geral, depois disso o cirurgião realiza uma incisão e  localiza a bola de Bichat, removendo totalmente as bolsas de gorduras das bochechas do paciente.

Quais são as contraindicações?

Esse tipo de cirurgia é contraindicado para pessoas idosas e pessoas que possuam problemas de saúde, como as doenças infecciosas ativas. O mesmo vale para aquelas pessoas que possuem uma expectativa fora da realidade sobre o resultado final da cirurgia.

Quais são os riscos e complicações dessa cirurgia?

Em razão da cirurgia ser um procedimento simples, os riscos são mínimos. Porém, todo e qualquer procedimento cirúrgico possui seus riscos e por isso precisa seguir todas as orientações indicadas pelo cirurgião.

Algumas complicações que podem ocorrer após a remoção das bolas de Bichat são desde as mais simples como infecções e sangramentos até as mais complexas e raras como ocorrer uma lesão do nervo facial ou ducto da glândula  parótida.

A escolha de um profissional especializado é extremamente importante. É necessário frisar que esse tipo de procedimento cirúrgico é realizado por médico especializado e  por cirurgião dentista, que é o profissional que possui maior conhecimento sobre a anatomia da região da boca e está mais apto para realizar essa operação.

Conseguimos esclarecer suas dúvidas? Então, compartilhe esse artigo no Facebook e nos ajude a espalhar essas informações para as outras pessoas!

Sobre o autor

Terceira Dentição

Deixar comentário.

Share This